Frequentemente os pediatras indicam uso de corticóides para crianças para tratamentos diversos, mas sabemos que existem muitos efeitos nocivos do uso de corticóides quando usado de forma errada por tempo prolongado. O objetivo deste post é, portanto, alertar aos pais que os corticóides não devem ser usados sem a indicação adequada de um pediatra. 😵

📌 O que são os corticóides?

Corticóides são um grupo de hormônios não esteróides produzidos naturalmente por todos indivíduos saudáveis pelas supra-renais, a partir do cortisol. Esses hormônios naturalmente cumprem importantes funções no nosso organismo: atuam em diversas cadeias do metabolismo de proteínas, dos açúcares e da gordura e por conta disso estão associados, na criança a funções importantes do crescimento e ganho de peso. Além disso, eles atuam com ações anti-inflamatórias, são imunossupressores (reduzem a resistência imunológica), atuam no controle dos níveis de sais e água no sangue e exercem estimulação cerebral. O nosso organismo sintetiza quantidades necessárias de cortisol para manter o metabolismo em equilíbrio, de acordo com as necessidades do indivíduo.

📌 Quais são os remédios à base de corticóides?

Hoje em dia há uma grande variedade de corticóides sintéticos, sob diversas apresentações farmacológicas (comprimidos, xaropes, pomadas, colírios etc): hidrocortisona, betametasona, prednisolona, prednisona, dexametasona, triancinolona, são exemplos de corticóides sintéticos usados frequentemente em crianças.

📌 Quais os efeitos dos corticóides para crianças?

Os corticóides são usados para crianças, em geral,  em quadros alérgicos, especialmente em quadros de chiado no peito (asma, bebês chiadores, hiperreatividade brônquica por infecção viral). Nestes casos ele atua com sua ação antiinflamatória, ajudando na melhora  da obstrução dos brônquios, e com isso melhorando o chiado no peito.

🚩 No entanto, os corticóides devem ser corretamente indicados e usados apenas com a prescrição do médico, pois quando usado de forma inadequada e abusiva, a longo prazo pode causar efeitos lesivos para a criança: hipertensão arterial, hiperglicemia (diabetes), úlceras no estômago ou duodeno, trombose, catarata, psicopatias e distúrbios do humor, alterações no crescimento e no ganho de peso, dentre outros. 😱😱

Claro que estas alterações não são vistas em curto prazo, o que pode levar as famílias a pensar que esse medicamento é ileso de efeitos nocivos. No entanto, os efeitos geralmente aparecem a longo prazo e podem trazer problemas sérios de saúde para a criança ou adolescente.

Assim, os corticóides para crianças devem sim ser utilizados em diversos quadros, mas este uso deve ser indicado e supervisionado pelo pediatra da criança. Não utilize corticóides para qualquer tosse ou qualquer resfriado da criança: converse com seu pediatra e veja se há indicação para o uso destes medicamentos!😉