Surto de piolho na escola sempre assusta as famílias! 😵Só de pensar a cabeça já começa a coçar!😱 Boa parte das crianças adquirem piolho pelo menos uma vez na vida, essa é uma parasitose muito comum na infância. Mas, apesar de causar pânico nas mamães, não gera grandes danos à criança e é facilmente tratada. 🙏

A pediculose, doença parasitária causada pelos piolhos, é caracterizada pela presença de piolhos e/ou lêndeas no cabelo ou couro cabeludo. As lêndeas, são os ovos do piolho, e geralmente ficam mais próximas do couro cabeludo. Os piolhos sugam o sangue do couro cabeludo causando coceira. Com a coceira podem aparecer feridas e escoriações.

O piolho é transmitido através do contato direto com pessoas infectadas ou através do contato com toalhas, escovas de cabelo, pentes, roupas e roupas de cama. O piolho pode ser adquirido por qualquer indivíduo e não depende do grau de higiene da pessoa. Mesmo crianças muito bem cuidadas e limpas podem pegar piolho uma vez na vida. Algumas pessoas tem mais propensão a adquiri-los, mas não se sabe o que causa essa maior predisposição. Os surtos de piolho na escola podem acontecer em escolas de diferentes níveis sócio-econômicos, afinal não tem relação com o tipo de cuidado que a criança tem.😊

🚩Assim, na infância a busca ativa e frequente de piolhos ou lêndeas na cabeça das crianças deve fazer parte da rotina de todas as famílias. Dê sempre uma olhadinha na cabeça do seu filho!

👉E quando encontramos piolhos ou lêndeas,  o que devemos fazer?

✅Água e shampoo apenas não retiram os piolhos e lendêas. Os piolhos tem um mecanismo de proteção que quando em contato com a água ficam ainda mais aderidos ao couro cabeludo e por isso só banho não vai resolver o problema

✅Será necessário uso de medicamentos contra o piolho: em geral usamos loções ou shampoos a base de permetrina ou benzoato de benzila. Existem muitas opções de produtos, alguns deles necessitam de repetição da aplicação. Converse com o pediatra para a melhor opção para a idade do seu filho

✅Medicamentos via oral a base de ivermectina podem ser utilizados apenas em crianças com mais de 15 quilos. Converse com o pediatra se seu filho pode usar esse medicamento e qual dose você deverá usar

✅Independente do tipo de tratamento escolhido, o medicamento elimina apenas os piolhos e não as lêndeas. Não há ainda medicamento aprovado para eliminar as lêndeas

✅As lêndeas deverão ser retiradas com pente fino. Lembre-se que as lêndeas dão origem aos piolhos, então se você não retirá-las de nada adiantará o uso do medicamento

✅O uso de água com vinagre pode ajudar na aplicação do pente fino para retirada das lêndeas

✅Durante o tratamento retire toda roupa de cama e banho e lave-as bem, secando ao sol

Quando seu filho apresentar piolho, comunique a escola para que os outros pais sejam comunicados. Como o contato direto entre as crianças é grande, basta uma criança infectada para que todos os coleguinhas também se infectem. Após o comunicado da escola todas as famílias deverão fazer busca ativa na cabeça dos seus filhos e conversar com o pediatra para avaliar necessidade de tratamento. Não leve seu filho para a escola enquanto ele estiver com piolhos ou lêndeas. 🙏

Olhe sempre a cabeça do seu filho e previna surtos de piolho na escola! 😉

Leia também sobre dicas para o primeiro ano da criança na escolinha:  http://calmamaezinha.com.br/primeiro-ano-na-escola-dicas/